Carta fora do baralho

Um dos principais apoiadores do Brasília, Terracap também não renovará com a equipe. Foto: Brito Júnior/UniCEUB

 

Depois de ver o UniCEUB dar adeus ao projeto do basquete, o Brasília terá de lidar com mais uma baixa entre os patrocinadores. Apoiador do time nas últimas duas temporadas, a Terracap também não deve estampar sua marca no uniforme do Lobo Guará em 2017/2018. A empresa foi uma das principais viabilizadoras do time na temporada em que o time deu adeus ao NBB na fase de quartas de final, injetando o montante de R$ 1,4 milhão no projeto. A grave crise financeira que vive a Terracap atualmente (o prejuízo em 2016 ultrapassou a casa de R$ 1 bilhão) foi um dos entraves para a renovação do vínculo de patrocínio.

Assim como em outros casos, o patrocínio da Terracap era feito por meio de editais públicos de contratação. A empresa afirmou em nota, entretanto, que não tem previsão de publicar novos editais até outubro deste ano. Essa medida inviabiliza o patrocínio ao projeto do basquete que corre contra o tempo para encontrar uma empresa que possa assumir a cota de patrocinador master e possibilite o início da montagem do elenco do time para a temporada 2017/2018. Com isso, outra equipe candanga que é pega em cheio com a crise da Terracap é o Brasília Vôlei. A equipe, que tinha a empresa como principal patrocinadora, teve o vínculo com o BRB renovado, mas já perdeu grande parte do elenco que defendeu o time na temporada passada. Nomes como Paula Pequeno, Macrís e Roberta já acertaram com outras equipes para a próxima temporada.

O BRB, aliás, surge como grande alento neste momento de incerteza do time candango. Antigo parceiro do basquete brasiliense (o BRB patrocina o time desde a primeira participação da equipe no Campeonato Nacional Masculino de Basquete, em 2004), executivos do banco veem com bons olhos o projeto da modalidade e um acerto entre as partes pode acontecer em breve.

Para a temporada 2017/2018, temporada em que apenas disputará apenas o NBB, o Brasília tem, até o momento, quatro jogadores confirmados: Deryk Ramos, Lucas Mariano, Jefferson Campos e João Phylippe. Os quatro haviam assinado contratos de duas temporadas com o Brasília na temporada passada e, por isso, seguem com vínculos ativos. Há ainda a possibilidade da renovação do contrato do jovem ala Paulo Lourenço, que teve boas apresentações defendendo as cores do Lobo Guará na reta final da temporada passada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *